quarta-feira, 20 de agosto de 2014

“Sopra Vento”



“Sopra Vento”
(Karina A Kadowaki)
Sopra vento, e adentra a estreita janela da minh'alma
sussurre suavemente ao coração palavras de emoção
Assim, leva ao calor o sopro do amor
leva com o vento o suave acalento do momento
Cantigas que acalmam a alma
Cantigas que confortam o fim
Cantigas que alegram o eterno.

Há sopro! Sopra sobre mim!
Eleva-me ao infinito com seu amor e me faça transcender o finito de ser humana.
Sussurre suntuosas melodias de acalento...
E faça-me no ultimo suspiro da noite, acreditar no esplêndido especifico do amanhã.
E ao despertar-me com o amanhecer do dia...
Sussurre ao vento e leve aos céus como melodia meus pedidos, e porventura os lamentos de mais um dia...
E ao escurecer do Hoje, elevo-me minhas mãos e dobro meus joelhos aos céus, e durmo.
E logo as janelas de minh`alma se abrem novamente para recebê-lo, “Senhor Vento”.

4 comentários:

  1. muito lindo kak vamos ainda fazer um livro rsss

    ResponderExcluir
  2. Quem sabe meu amigo, um dia quem sabe hehhe! =)

    ResponderExcluir
  3. Chuchuu que lindoooo!
    Ameiiii ...continue com esse dom maravilhoso !!

    ResponderExcluir